Em um mercado cada vez mais competitivo, em que agilidade e eficiência são determinantes para o sucesso, não dá mais para ficar fazendo gestão à moda antiga, tentando controlar todos os recursos da empresa em planilhas manuais.

Pior ainda, em muitas organizações a divisão de setores costuma ser também uma divisão de informações. As áreas se tornam verdadeiros silos e cada uma se autogerencia da própria maneira.

Mas, para que os processos fluam, algumas áreas precisam ter determinadas informações de outras… e isso é um grande gerador de conflito e sofrimento organizacional.

A tomada de decisão é outro gargalo, porque para o gestor conseguir ter uma visão geral da empresa, ele tem que tentar fazer um apanhado das partes, colhendo informações desconexas a às vezes até desatualizadas.

Enquanto a empresa tenta acalmar a sua turbulência interna, enquanto a produção está em pé de guerra com o comercial… novas empresas surgem ou decolam no mercado, a necessidade do cliente mudou, o mundo mudou… mas ninguém percebeu… e a empresa ficou para trás.

 

Não deixe sua empresa chegar a esse ponto.

E não permita que seus gestores percam tempo tentando fazer a gestão na ponta do lápis. Eles precisam pensar em estratégia, eles precisam estar de olho no que acontece lá fora, eles precisam desenvolver o capital humano… e não gastar horas fazendo controles operacionais.

 

Chegou a hora, então, de investir em tecnologia!

A tecnologia, por meio de softwares desenvolvidos especificamente para isso, consegue integrar todas as informações, de todas as áreas da organização, em um lugar só, facilitando a análise e a tomada de decisão.

É o caso, por exemplo, do software de planejamento de recursos, o ERP (sigla em inglês para Enterprise Resource Planning).

Como o próprio nome sugere, o ERP garante que você terá tudo o que precisa para coordenar o seu negócio. Isso passa pelo seu plano de ação e vai até as sutilezas do dia a dia da operação.

É como se o ERP fosse um grande banco de dados compartilhado e centralizado, que serve como direcionador para toda a empresa.

 

Como o ERP, você pode:

  • Integrar e unificar todos os dados da sua empresa – esse é um dos principais benefícios do ERP. A partir do momento em que as informações são inseridas no sistema, tornam-se acessíveis para todas as partes interessadas. Sem problemas de duplicação de dados, sem problemas de desatualização… sem problemas!
  • Ter total conhecimento e controle sobre os recursos da sua empresa – caixa, matéria-prima, suprimentos, capacidade de produção…
  • Honrar seus compromissos – faça com que a sua capacidade de produção acompanhe as vendas realizadas, mudando rapidamente o planejamento para se adaptar à demanda.
  • Eliminar gargalos nos seus processos – observando todos os processos da empresa através de um único sistema, fica mais fácil identificar os gargalos e eliminá-los, estabelecendo soluções mais eficientes.
  • Fortalecer a cooperação – o ERP promove a transparência de informações entre as áreas, o que aumenta o senso de colaboração entre os colaboradores, além de permitir que eles entendam o panorama geral da empresa.

 

Se você precisa que a sua organização trabalhe de forma mais ágil, eficaz e inteligente… considere a implementação do ERP!

 

Quer saber mais sobre a importância do ERP para sua empresa? Clique aqui.

 

Se quiser ajuda para escolher o ERP ideal para o seu negócio, entre em contato conosco pelo telefone (41) 4042-1026 ou e-mail contato@forbiz.com.br