“As máquinas podem pensar?”

Essa pergunta, feita por Alan Turing, tido como “o pai da informática”, marca o começo das conversas sobre Inteligência Artificial.

No artigo “Computing Machinery and Intelligence”, publicado em 1950, ele faz tal indagação e apresenta o que hoje conhecemos como Teste de Turing.

O Teste de Turing é um teste no qual um interrogador humano recebe respostas escritas e deve tentar distinguir qual foi feita por uma pessoa e qual foi feita por uma máquina. Se ele não souber diferenciar, considera-se que a máquina “passou no teste”.

Hoje, tanto tempo após esse questionamento, podemos dizer que a Inteligência Artificial (IA) responde positivamente à pergunta de Turing. Afinal, quando se trata de IA é como se as máquinas efetivamente pensassem… e agissem!

 

O que é Inteligência Artificial

Inteligência Artificial é a capacidade que máquinas e, em especial, sistemas de computador têm de pensar e agir de uma forma similar à humana.

Entre os principais comportamentos associados à inteligência humana presentes em sistemas de Inteligência Artificial, destacam-se: percepção do ambiente, tomada de decisão, planejamento, raciocínio, aprendizagem e resolução de problemas.

Em seu livro Artificial Intelligence: A Modern Approach, os autores Stuart Russell e Peter Norvig resumem a Inteligência Artificial como sendo “o estudo de agentes que recebem percepções do ambiente e executam ações”.

Eles também segmentam a IA em quatro diferentes abordagens:

  • Sistemas que pensam como humanos
  • Sistemas que pensam racionalmente
  • Sistemas que atuam como humanos
  • Sistemas que atuam racionalmente

Podemos considerar que as duas primeiras abordagens são referentes aos processos de pensamento e raciocínio, enquanto as duas últimas dizem respeito ao comportamento.

De todo modo, o que precisamos ter em mente é que a Inteligência Artificial é uma das principais tecnologias disruptivas da atualidade, e tem como principal objetivo facilitar o dia a dia.

 

Como a Inteligência Artificial funciona

De uma forma geral, podemos dizer que os sistemas de IA funcionam recebendo ou captando uma grande quantidade de dados, analisando esses dados para identificar correlações e padrões, e usando esses padrões para tomada de decisão, resolução de problemas ou previsão de cenários futuros.

Para funcionar adequadamente, a Inteligência Artificial engloba muitas tecnologias e subcampos, dentre os quais se destacam:

Machine learning

O aprendizado de máquina acontece quando um sistema de computador aprende a realizar uma tarefa, em vez de ser programado para tal. Ou seja, ele aprende usando dados e torna automática a construção de modelos analíticos.

 

Deep learning

Para facilitar o entendimento da aprendizagem profunda, podemos considerá-la como “aprendizado de máquina escalonável”, de acordo com Lex Fridman, em sua palestra no MIT.

Isso porque o deep learning não depende tanto da intervenção humana para aprender nem para processar dados. Ele é composto de redes neurais, por meio das quais grandes quantidades de dados podem ser processadas, o que permite que a máquina “vá a fundo” e aprenda padrões mais complexos.

 

Redes neurais

As redes neurais lembram as conexões entre os neurônios do cérebro. Ela é composta por camadas interconectadas que vão alimentando umas às outras com dados várias vezes, criando conexões e extraindo significados, até que a “saída da rede” seja o resultado esperado.

 

Processamento de linguagem natural (PLN)

O PLN é a aptidão que os computadores têm para reconhecer, analisar e reproduzir a linguagem natural humana, incluindo a fala e a compreensão de textos.

 

Por que a Inteligência Artificial é importante

Por que a Inteligência Artificial é importante

Por que a Inteligência Artificial é importante

A IA é importante porque facilita tarefas do dia a dia, gerando mais conforto, praticidade, agilidade e eficiência.

Em uma empresa, por exemplo, a Inteligência Artificial pode ampliar a visão dos processos organizacionais, facilitando a identificação de gargalos e a otimização das atividades.

Além disso, devido à automação, a IA pode realizar algumas tarefas melhor do que seres humanos, especialmente aquelas que são mais repetitivas e cheias detalhes, que estariam mais suscetíveis a erros se fossem executadas por profissionais “de carne e osso”.

Assim, além de proporcionar mais velocidade para a organização, a IA também diminui os erros e retrabalhos, e aumenta a qualidade. Isso, somado ao fato de que as pessoas podem voltar seus esforços a atividades estratégicas em vez de operacionais, certamente se traduz em uma grande vantagem competitiva!

 

Como a Inteligência Artificial pode ajudar o seu negócio

Além das vantagens ressaltadas para explicar a importância da IA, ela ainda pode ajudar uma empresa de inúmeras outras formas, como:

 

Automação

A automação de tarefas é essencial para aumentar a produtividade dos indivíduos e, consequentemente, da organização. Ela ajuda a empresa a construir equipes mais enxutas e focadas em trabalhos estratégicos e que realmente agreguem valor aos processos internos e/ou aos consumidores.

 

Melhoria na tomada de decisão

Muitas empresas buscam estruturar processos de tomada de decisão que sejam mais simples, eficazes e, é claro, baseados em dados.

A Inteligência Artificial atende a todos esses requisitos, pois consegue processar uma grande quantidade de dados e estruturá-los de forma a oferecer os melhores insights, além de também tornar possível a previsão/visualização de cenários, simulações e testes.

 

Personalização e otimização no atendimento ao público

A Inteligência Artificial pode ajudar a tornar o atendimento ao público mais ágil, em alguns casos com o fornecimento de interações instantâneas.

Além disso, os algoritmos também podem reconhecer os padrões de comportamento do usuário e, assim, conduzir um atendimento adaptado às suas necessidades e preferências.

 

Redução de erros e de custos

Devido principalmente à sua grande capacidade de analisar dados, tanto de equipamentos quanto de sistemas, a Inteligência Artificial consegue prever falhas e ajudar a organização a agir antecipadamente, evitando prejuízos.
Consegue também identificar gaps nos processos e outros pontos fracos, contribuindo para que a empresa tenha mais eficiência operacional.

 

Aumento de escalabilidade

A Inteligência Artificial contribui para a escalabilidade nas operações devido à automação e à capacidade de replicar processos. Ela confere muito mais velocidade e eficiência a uma rotina do que seria humanamente possível.

 

Melhoria na qualidade de processos e produtos

A IA melhora a qualidade dos processos justamente por identificar onde estão os gargalos, os conflitos ou retrabalhos.

Ela também aumenta a qualidade dos produtos por seguir à risca as especificações e manter sempre, no mínimo, o mesmo padrão.

 

Aplicações da Inteligência Artificial

Aplicações da Inteligência Artificial

Aplicações da Inteligência Artificial

A aplicação da Inteligência Artificial pode acontecer em diferentes segmentos, trazendo benefícios específicos para cada um deles. Confira alguns exemplos:

 

Inteligência Artificial na Saúde

A Inteligência Artificial pode ajudar no diagnóstico de doenças, leitura de raio x e prescrição de medicamentos, por exemplo. Pode também, por meio dos assistentes virtuais, lembrar o paciente do horário certo para tomar remédio, ou incentivá-lo a fazer exercícios e consumir alimentos saudáveis.

 

Inteligência Artificial nos Esportes

Nos esportes, a IA pode ajudar a criar programas de treinamento individuais que auxiliem o atleta a evitar possíveis lesões e a melhorar sua performance, com base em sua fisiologia.

Além disso, também pode fornecer informações aos treinadores que os ajudem a tomar as melhores decisões sobre organização e otimização de posições, bem como sobre qual estratégia executar.

 

Inteligência Artificial no Varejo

No varejo, especialmente quando se trata de lojas virtuais, a Inteligência Artificial consegue recomentar produtos que sejam do gosto daquele consumidor, baseando-se principalmente em seu histórico de navegação, além de negociar opções de pagamento.

 

Inteligência Artificial no RH

A Inteligência Artificial é fundamental para RHs que querem se tornar verdadeiramente estratégicos. Com a automação de várias rotinas desgastantes, como o processamento da folha de pagamento e a gestão do ponto, os profissionais ficam livres para o que realmente importa: a gestão dos talentos.

Além disso, a IA também pode estar presente em canais de autoatendimento, desafogando ainda mais os profissionais de RH e respondendo aos demais colaboradores com mais agilidade e precisão. Também pode ajudar no processo de recrutamento e seleção de colaboradores, bem como na admissão de novos profissionais.

Contribui, ainda, para aumentar o embasamento em dados na gestão de desempenho e trocas de feedback.

O que é muito interessante ressaltar é que sistemas específicos para RH (como o HCM), podem levar todas essas vantagens para a organização de uma vez só, em uma única ferramenta.

 

Inteligência Artificial na Manufatura

A Inteligência Artificial é fundamental para Indústria 4.0, conceito que muda por completo a realidade da manufatura, pois a torna mais inteligente, enxuta, conectada e, consequentemente, produtiva.

A IA atua em conjunto com a Internet das Coisas e, assim, recebe dados também dos equipamentos industriais.

Tais dados somados aos dados vindos dos sistemas permitem uma correlação ampla por parte da Inteligência Artificial e, assim, as análises ficam mais completas e facilitam a tomada de decisão.

Além disso, por meio de comandos da IA, algumas máquinas podem operar sem a intervenção humana, aumentando ainda mais a eficiência produtiva.

Alguns sistemas de gestão empresarial (como o ERP) são dotados de Inteligência Artificial e ajudam as organizações a potencializarem ainda mais seus resultados.

É o caso, por exemplo, do ERP da Senior: a única solução do mercado com assistente virtual e que possibilita interação através do Google Assistant, reduzindo o tempo que a equipe perde procurando por respostas em consultas e relatórios.

 

A Inteligência Artificial é uma grande aliada do seu negócio, pois ajuda a aumentar a eficiência operacional e a vantagem competitiva.

Agora que você já entendeu bem o que é a Inteligência Artificial, que tal saber mais sobre o Sistema MES?

Aprimore seus conhecimentos sobre as tecnologias que estão revolucionando o mundo dos negócios e mantenha sua empresa sempre atualizada e produtiva!